Dia Mundial da Visão | 8 Outubro 2020

Out 8, 2020

Dia Mundial da Visão 2020

O Dia Mundial da Visão, celebrado na segunda quinta-feira de Outubro, é um dia anual de consciencialização que visa chamar a atenção global para a cegueira e a deficiência visual. Este ano, o Dia Mundial da Visão, assinalado hoje dia 8 de oOutubro de 2020 está subordinado ao tema ‘Esperança à vista’.

De acordo com números da OMS, 1 bilião de pessoas em todo o mundo têm uma deficiência visual evitável ou que ainda não foi corrigida. A visão reduzida ou ausente pode ter efeitos importantes e duradouros em todos os aspectos da vida, incluindo atividades pessoais diárias, interação com a comunidade, escola e oportunidades de trabalho e a capacidade de aceder serviços públicos.

A deficiência visual pode ser causada por vários fatores, incluindo doenças como diabetes e tracoma, trauma nos olhos ou condições como erro refrativo, catarata, degeneração macular relacionada com a idade ou glaucoma.

Embora a maioria das pessoas com deficiência visual tenha mais de 50 anos, a perda de visão pode afetar pessoas de todas as idades.

As patologias da Visão na perspectiva do Ayurveda

Tal como aconteceu com a medicina convencional, também o Ayurveda beneficiou do progresso científico e tecnológico, na medida em que este proporcionou um melhor conhecimento das doenças, o desenvolvimento de melhores medicamentos e de técnicas de diagnóstico. Por outro lado, os estudos científicos e laboratoriais têm vindo a confirmar as propriedades farmacológicas tradicionalmente atribuídas a muitas plantas utilizadas em Ayurveda.

Há já muito tempo que o Ayurveda é reconhecido como um sistema de saúde independente na Índia; a própria Organização Mundial de Saúde reconhece o Ayurveda como um sistema tradicional de saúde desde 1978.

Uma das subespecialidades do Ayurveda é Shalakyatantra, a qual inclui as patologias da visão, do ouvido, do nariz e da garganta.

Como factores na origem de desordens da visão são apontados:

  1. A exposição constante a água fria.
  2. A exposição a temperaturas extremas quase em simultâneo.
  3. A constante visualização de objectos ao longe.
  4. Alteração dos padrões de sono.
  5. Tensão.
  6. Exercício em excesso.
  7. Choro
  8. Fúria.
  9. Trauma
  10. Exposição a poluentes.

Os textos ayurvédicos descrevem entre 76 a 96 doenças oculares, classificadas de acordo com a viciação dos doshas (67), o método de tratamento (76) ou com a estrutura anatómica (76).

De acordo com o Ayurveda, a doença tem origem no desequilíbrio das energias do corpo- Vata, Pitta e Kapha, ou da mente cujas formas de energia são mais subtis- prana, tejas e ojas. Estas são influenciadas por três humores espirituais: Satva – equilíbrio mental e clareza; Rajas – instabilidade e distração e Tamas – letargia, ignorância e medo. A harmonia e o equilíbrio entre os três doshas (Vata, Pitta e Kapha), os dhatus (tecidos), mala (excreções) e agni (fogo digestivo), juntamente com um estado de espírito tranquilo e satisfeito são condição para atingir um estado de saúde plena.

De entre os órgãos sensoriais, os olhos são os mais delicados e que mais facilmente são afectados pelo desequilíbrio dóshico, daqui resultando uma perturbação ou diminuição na sua função (drishti kriya). Toda a Matéria Medica e procedimentos especificamente vocacionados para a saúde da visão (os quais geram o equilíbrio dóshico -somático e psicológico) são designados Chakshushya Rasayana – nesta categoria estão incluídas a planta Emblica officinalis e o composto Triphala, obtido a partir da combinação, em partes iguais, das plantas Emblica officinalis, Terminalia belerica e Terminalia chebula.

Artigos Relacionados

Dia da Mulher

Dia da Mulher

Através do seu modelo de negócio e da sua fundação, a Organic India apoia mulheres que vivem em...

0
    Carrinho
    Carrinho vazioVoltar à loja